Há Cobras e Cobras




Quando as cobras passam a ser nossas amigas...
Há anos atrás cobra encontrada no campo era cobra morta.
Hoje cobra encontrada é cobra abençoada.
De entre os auxiliares (bichinhos minúsculos, pequenos ou grandes que nos ajudam a combater pragas) a cobra é, como é óbvio, o menos simpático para um encontro no campo.
Mas a verdade é que é mesmo só a impressão que causa porque não traz perigo nenhum.
Esta cobra "gigante", encontrada esta semana ao pé dos morangos tem estado a fazer um ótimo trabalho.
É uma comedora voraz de ratos e os ratos do campo são terríveis a causar estragos no sistema de rega. Apesar de serem bem mais simpáticos, "limpinhos" e saudáveis do que os ratos da cidade (têm uma alimentação à base de cereais e fruta), adoram entreter-se a roer as mangueiras da rega que estão por baixo do plástico o que nos abriga a andar todos os dias a reparar mangueiras roídas.
Quanto menos cobras mais ratos e toca a usar veneno para os matar.
Pela ordem natural das coisas, aquela que nos interessa, quem mata ratos são as cobras.
E foi a pensar na preservação e harmonia do ecossistema que passámos a ter as cobras como amigas e aliadas.

Sem comentários

Enviar um comentário

© A vida de uma alface
Design:Maira Gall.